como um rubi

.

Hoje quero escrever com calma

deixar fluir todo o canto

que vem com motivo da alma…

Solidão, Saudade, meu Pranto…


Não sei bem, como magia

tudo flui naturalmente

quando o motivo se sente

no coração, contagia,


é poesia, é coisa rara,

que já não se vê por aí.

Valiosa como um rubi:

difícil de achar, muito cara.


Eu me sinto agraciado

por um anjo ou querubim

que me inspira tanto assim

pra escrever e ser do agrado


do leitor, que ama o verso

ao inverso de quem já esqueceu

o amor, que pra ele morreu…

preferindo viver imerso


no mar tolo do desencanto

esquecendo que a realidade

é justamente a Saudade,

a Solidão e o Pranto.

9 Respostas to “como um rubi”

  1. Fatima Berruezo Says:

    Lindo!!!!!!!!!!!

  2. Marcio Zardo Says:

    Essa está DEMAIS…
    POESIA DA BOA !!!!!!
    Altas inspirações !! Ou serão pirações ??

  3. elizangela miranda teixeira Says:

    Lindo! Eu amei. Obrigado. Um beijão.

  4. Imael Júnior Says:

    Sinceramente, muito belo esse poema.
    Parabéns!

  5. victor freeland Says:

    E aí, irmão meu… Poeta também? Beijo

  6. Karinne Says:

    PerfeitoOoOo!! beijãoOo!!

  7. Muito lindo e romântico!
    Bj!

  8. Jaqueline Robespierre Says:

    Concordo com você, meu querido Osvaldo.
    De fato, quem sente saudade está sozinho e encontra nas lágrimas o conforto de quem já partiu.
    Um grande abraço para você, meu querido amigo.

  9. Maria Olivia Gonçalves Says:

    Grande Poeta!Parabéns!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: